busca
br
en
Sou Fujimoto projeta o novo Pavilhão da Serpentine Gallery
21 de junho de 2013

Arquiteto japonês é o responsável pelo pavilhão temporário anual da galeria londrina

 dezeen_Serpentine-Gallery-Pavilion-2013-by-Sou-Fujimoto_12

O Pavilhão da Serpentine Gallery de 2013 foi projetado pelo premiado arquiteto japonês Sou Fujimoto. Aos 41 anos, ele é o mais jovem arquiteto a ser convidado para projetar a estrutura temporária da Serpentine Gallery.

Entre os treze pavilhões que já foram construídos, ​​incluem-se projetos de Herzog & de Meuron e Ai Weiwei (2012), Frank Gehry (2008), Oscar Niemeyer (2003) e Zaha Hadid, que projetou a estrutura inaugural em 2000.

Amplamente reconhecido como importante jovem arquiteto, Sou Fujimoto é o expoente principal de uma interessante geração que busca reinventar a nossa relação com o ambiente construído. Inspirado por estruturas orgânicas, os edifícios com a assinatura Fujimoto habitam um espaço entre natureza e artificialidade. A maioria de seus edifícios foi feita no Japão, com programas habitacionais, como Casa de Madeira, a Casa T e a Casa N, e institucionais, como o Museu e a Biblioteca de Arte de Musashino.

dezeen_Serpentine-Gallery-Pavilion-2013-by-Sou-Fujimoto-photo-by-Jim-Stephenson-2

Ocupando cerca de 357 metros quadrados do gramado em frente a Serpentine Gallery, a delicada estrutura de treliça de Sou Fujimoto, composta por perfis de aço 20 milímetros, tem uma aparência leve e semi-transparente que permite misturar-se, como uma nuvem, na paisagem, tendo como pano de fundo clássico a colunata da ala leste da Galeria. Concebida como um espaço social flexível, os visitantes serão incentivados a entrar e interagir com o Pavilhão de maneiras diferentes ao longo dos quatro meses em que estará implantado no Kensington Garden.

Fujimoto é o terceiro arquiteto japonês a aceitar o convite para projetar o Pavilhão da Serpentine Gallery, seguindo os vencedores do Prêmio Pritzker Toyo Ito, em 2002, e Kazuyo Sejima e Ryue Nishizawa do SANAA, em 2009.

Declaração de Sou Fujimoto:Sou Fujimoto

“Para o Pavilhão da Serpentine Gallery de 2013, eu criei uma arquitetura translúcida em um terreno que incentiva as pessoas a explorar o site de maneiras novas e diversificadas. Dentro do contexto pastoral da Kensington Garden, a vegetação viva entorno do local funde-se com a geometria construída do pavilhão. Uma nova forma de ambiente foi criado, onde o natural e a construção humana se fundem. O fino e frágil gridcria um sistema estrutural forte, que pode expandir-se para se tornar uma grande forma de nuvem, combinando ordem estrita com suavidade. Um simples cubo, com escala do corpo humano, é repetido para criar uma forma que está entre o orgânico e o abstrato, gerando uma estrutura ambígua, que desfaz os limites entre interior e exterior”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

01

03

02

 

Comente
Copyright 2012 Arsenic Arquitetos

Rua Espirito Santo
nº 1115 - 1901/1902/1903/1904
Juiz de Fora - Brasil
nikola@arsenicarquitetos.com
+55 32 3214-8978